Digipix e Indimagem agora são uma única companhia!

Digipix_Indimagem

Há algumas semanas, o renomado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado fez um pronunciamento bombástico, prevendo o fim da fotografia.  Nas palavras dele, “A fotografia está acabando porque o que vemos no celular não é a fotografia. A fotografia precisa se materializar, precisa ser impressa, vista, tocada, como quando os pais faziam antes com os álbuns de fotos de seus filhos.”

Salgado não está sozinho em suas preocupações.  A fotografia não pode ficar restrita a pixels coloridos numa tela de celular.  Felizmente, o mercado de fotografia digital impressa está em franco desenvolvimento no Brasil, graças a empresas inovadoras que permitem unir o universo virtual ao mundo real, usando tecnologia de ponta para oferecer múltiplas opções e alta qualidade aos fotógrafos do nosso país.

As possibilidades físicas, a partir de arquivos digitais, são cada vez mais amplas, mas exigem investimentos crescentes.  A tecnologia não apenas continua evoluindo, mas tem acelerado nos últimos tempos.  A situação econômica brasileira traz pressão sobre preços no mercado, provocando questionamentos sobre escala e custos.  Além disso, mercados internacionais apresentam-se simultaneamente como oportunidades e ameaças.  Por tudo isso, é fundamental crescer – em clientes, em geografia, em tecnologia, em portfólio.

Para quem visitou as maiores feiras de fotografia nos últimos anos, dois nomes ganharam amplo destaque.  Digipix e Indimagem, surgidas na década passada, ocuparam o espaço deixado pelos antigos laboratórios fotográficos, apesar de nunca terem processado um único rolo de filme e de receberem pedidos exclusivamente através da Internet.

Mas Digipix e Indimagem resolveram ir além.

A partir de hoje, o mercado brasileiro de fotografia vai ficar ainda mais forte.  Indimagem e Digipix decidiram juntar forças e passam a ser uma única companhia.  O objetivo dos sócios é preservar a essência das empresas, aproveitar o que cada uma tem de melhor e reforçar a capacidade de fazer acontecer, para levar essa combinação cada vez mais longe.

As duas empresas têm muito em comum – empreendedores visionários, amor pela fotografia, capacidade de execução, tecnologia aplicada, crescimento acelerado… e muito respeito.  Respeito pelo mercado, pelas leis, pela fotografia… e respeito uma pela outra.

Não foi fácil para as duas chegarem até aqui.  Os céticos previram o fracasso das duas startups, mas uma conjunção de fatores possibilitou que prosperassem.  Os obstáculos superados foram significativos, mas o que vem pela frente é ainda mais desafiador e estimulante.

No curto prazo, vamos integrar apenas as equipes de liderança.  As duas empresas, bem administradas ao longo dos anos de forma independente, não precisam de grandes correções de rumo.  O objetivo não é encolher a nova companhia e sim prepará-la para crescer. Queremos preservar e ampliar ainda mais a qualidade de relacionamento que as duas marcas mantem com seus clientes.  Vamos estudar portfolios e aumentar as opções de produtos.  Pretendemos aproveitar as especificidades de produção das plantas para otimizar custos e qualidade.  Mais importante do que cortar despesas bobas será preservar os talentos e o espírito de equipe.

No médio prazo, buscaremos integrar processos e pessoas para aumentar ainda mais a efetividade da companhia.  Com cuidado e inteligência, identificaremos as melhores fórmulas de captar pedidos, processar arquivos, imprimir e encadernar os álbuns, distribuir as encomendas Brasil afora.  Vamos escolher os melhores equipamentos, os melhores insumos, as melhores tecnologias.  Com isso, seremos uma empresa mais forte no mercado, proporcionando uma experiência única ao usuário.

No longo prazo, alçaremos voos cada vez mais altos.  Há talentos da fotografia brasileira conhecidos e reconhecidos internacionalmente – queremos que o mesmo aconteça com as empresas de fotografia brasileiras.  Queremos ir além das nossas fronteiras, atravessar oceanos, enfim, aproveitar que o digital transforma o mundo no nosso quintal.

Hoje é um grande dia para a Digipix e para a Indimagem.  Hoje é um grande dia para a fotografia brasileira.  Juntas, nós somos a maior empresa de fotografia do Brasil.  E, mais importante… por estarmos juntando duas empresas especiais… com talento, habilidade, humildade e dedicação de todos vocês… nós podemos ser, nós queremos ser e nós seremos a melhor empresa de fotografia do Brasil.

Digipix e Indimagem agora são uma única companhia!
Avaliar conteúdo

7 thoughts to “Digipix e Indimagem agora são uma única companhia!”

  1. Fantástico, feliz pela join Venture, já sou cliente Digipix e conheço a Indimagem , duas grandes potências.
    O que eu como cliente poderia sugerir tecnicamente, é q não retirem o software de edição, o fez ficar até o momento, sem a necessidade de internet para editar, e sim aproveitar os layout do modelo da Indimagem. É mais prático e rápido.

  2. Espero que a partir de agora, juntas vocês possam estar montando um sofware melhor para diagramação. Onde possamos ter mais liberdade para montar nossos álbuns, com um leque maior de opções. Além da qualidade da entrega, que deixa muito a desejar. Do mais, parabéns!

  3. Eu desejo todo sucesso do mundo , que continuem inovando cada vez mais e nos atendendo muito bem , e concordo quando dizem que tem que fazer do mundo o seu quintal . Nos brasileiros somos os mais criativos do mundo e vocês merecem o sucesso mundial sim.
    Mas nada é facil né amigos . A luta é diária e perpétua . Mas quando trabalhamos com que amamos , o impossivel se torna real . Parabéns pela iniciativa da Digipix e da Indimagem. Torço muito , porque muito do meu sucesso , foi Graças a Vocês. Muito Obrigado e estamos juntos.
    Marcelo Salgado
    21 2541 4859

  4. Desejo boa sorte nessa nova união. Como sempre digo: a sorte é um atributo dos competentes. Conheço a competência e a integral dedicação do Sr. Marco Perlman à Digipix e seus incansável esforços focados ao pioneirismo e ao cuidado e atenção com seus clientes, tive a oportunidade de trabalhar com ele há alguns anos e pude aprender muito!
    A indimagem surgiu um pouco depois, porém, com uma grande paixão pelo mercado fotográfico e assim como a Digipix, trouxeram inovações como acabamentos por exemplo.
    Com toda certeza, será uma união de sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *